terça-feira, 7 de março de 2017

Mastigar e ensalivar bem porquê?

Mastigar e ensalivar bem porquê?
“Se a Terra é nossa mãe, os grãos, quando completamente mastigados, são nosso leite materno”
Françoise Rivière
Na rúbrica de hoje na Rádio do Concelho de Mafra recordei a importância da boa mastigação e da ensalivação. Digo recordei, porque todos aprendemos na escola esta necessidade básica, mas a correria da vida e o excesso de estímulos nos fazem literalmente atropelá-la.
A atitude que temos ao comer, ou seja, a mastigação e a ensalivação é tão vital como os alimentos que escolhemos para comer.
Os orientais consideram que a saliva é um líquido fortemente carregado com energia electromagnética e que tem propriedades curativas, pelo que devemos fazer um esforço para ensalivar bem os alimentos ingeridos.
Sim, uma boa digestão começa com a mastigação.
 Na realidade, o processo da digestão dá os seus primeiros passos quando começamos a ver e a cheirar os alimentos, daí a expressão popular “comemos com os olhos”.
 Quando os colocamos na boca, por acção da saliva e da enzima  ptialina, começamos a desdobrar os hidratos de carbono complexos em hidratos de carbono mais simples. E quem mastiga mesmo bem, apercebe-se que alimentos como a cebola, cenoura ou arroz, se tornam cada vez mais doces. (O que confirma a questão que eu falo sempre, que os cereais e legumes são os açúcares complexos que verdadeiramente precisamos). Em seguida, os alimentos são digeridos no estômago, onde as proteínas começam a ser desdobradas em aminoácidos, por acção da pepsina e do ácido clorídrico. Posteriormente no duodeno, por acção dos sucos pancreáticos e biliares digerimos as gorduras e na fase final da digestão, no intestino delgado, finalizamos a digestão dos diferentes nutrientes.
Uma mastigação e ensalivação cuidadas trazem enormes benefícios Vitalizantes para a saúde, para além da melhoria da digestão (um problema tão atual):
- Redução do volume de alimento necessário - obtemos o máximo de nutrição a partir de uma quantidade menor de alimento, diminuindo o apetite, contribuindo para o desinchaço do estomago e redução de peso;
- Maior calma e relaxamento - Mastigar bem é um dos melhores tratamentos anti-stress existentes;
- Clareza de pensamento e raciocínio Se respirarmos adequadamente quando mastigamos, o cérebro é mais irrigado com oxigénio e consequentemente pensamos de uma forma mais clara. Esta questão é confirmada na língua japonesa, com a palavra “mastigação” que significa "boa compreensão";
- Menos desejo de comer açúcar e doces em geral – Como já falei anteriormente, ao desdobrarmos convenientemente os açúcares complexos em açúcares simples, sentimos menos vontade de comer doces e sobremesas;
- Criação de uma condição mais alcalina no corpo - . A saliva é um líquido fortemente alcalino que quando bem misturada com a comida contribui para um ph mais alcalino, um corpo saudável e Vitalziante. (Uma alimentação baseada em produtos animais e açúcares simples tende a criar uma condição mais ácida);
 -Dentes e gengivas mais fortes – A boa mastigação, o bom uso dos dentes, origina a uma condição mais alcalina na boca contribuindo para a saúde das gengivas e dos dentes;
- Maior capacidade de auto-cura - Pessoas que mastigam bem têm uma muito maior capacidade de recuperar de problemas de saúde.
Mastigar pelo menos 30 vezes cada garfada e pousar os talheres entre cada garfada; de forma a estimular bem os dentes e gengivas e ter uma boa digestão mastigar duma forma espirálica, utilizando todos os dentes.
É de salientar que para uma boa e Vitalizante mastigação há que comer com calma, sentado, com a coluna direita e descontraído, respirar profundamente evitando estímulos externos como a televisão, o telemóvel, etc. A bem dizer, o momento da refeição é aquele momento que devemos dedicar a nós, como uma meditação ou que aproveitamos para estar com os nossos ente-queridos.

Uma caminhada de dez minutos depois das refeições, também nos ajuda bastante na digestão e na revitalização do nosso corpo.
Estas práticas que na maioria das vezes são ignoradas por diversas razões da nossa sociedade actual, são um investimento Vitalizante na nossa saúde pois quem  se dispuser a gastar mais tempo a comer e a mastigar melhor, receberá inúmeros benefícios no seu bem estar físico e clareza mental e terá muito mais energia para enfrentar os desafios da vida.
Bom e Vitalizante apetite
Paula Perdigão



Enviar um comentário